Miin in Wonderland #10






Best Sellers USA
THE HELP,
de Kathryn Stockett
KILL ME IF YOU CAN,
de James Patterson and Marshall Karp
THE MILL RIVER RECLUSE, de Darcie Chan
BLIND FAITH, de CJ Lyons
MILE 81, de Stephen King



Best sellers: Jovem-adulto
1
THE POWER OF SIX, de Pittacus Lore
SHELTER, de Harlan Coben
MISS PEREGRINE'S HOME FOR PECULIAR CHILDREN, de Ransom Riggs
DARTH PAPER STRIKES BACK: AN ORIGAMI YODA BOOK, de Tom Angleberger
THE THRONE OF FIRE, de Rick Riordan





Indicação do Mês: A Vida em tons de cinza - Ruta Sepetys



Sinopse: Lina Vilkas é uma lituana de 15 anos cheia de sonhos. Dotada de um incrível talento artístico, ela se prepara para estudar artes na capital. No entanto, a noite de 14 de junho de 1941 muda para sempre seus planos.
Por toda a região do Báltico, a polícia secreta soviética está invadindo casas e deportando pessoas. Lina é jogada num trem e levada para um gulag, na Sibéria.
Lá, os deportados sofrem maus-tratos e trabalham arduamente. Nada mais lhes resta, exceto o apoio mútuo e a esperança. E é isso que faz com que Lina insista em sua arte.
A vida em tons de cinza conta a história de um povo que perdeu tudo, menos a dignidade, a esperança e o amor.




Oh, céus, como começar?
Sou louca por História e, quando li a sinopse de ‘A vida em tons de cinza’, soube imediatamente que esse livro era perfeito pra mim. Carregado de fatos históricos e uma trama poética sobre amizade, amor e esperança e personagens cativantes e corajosos, o livro é um daqueles que te absorve de primeira, e faz com que a gente não queira largá-lo por nem mesmo um segundo, ao mesmo tempo em que queremos que dure para sempre.
Lina nos leva com ela em sua jornada por campos de trabalho forçado na Sibéria, para onde ela e seus famíliares foram deportados acusados de trair a União Soviética. Nós sentimos a confusão de Lina ao ser arrastada de sua casa, na Lituânia, e ser levada para o desconhecido. A forma como a protagonista amadurece rapidamente durante a trama é só mais uma prova de quão brutal foi a vida nos gulags soviéticos.
Nessa jornada por uma história de guerra pouco conhecida, conhecemos vários personagens cativantes e nos surpreendemos com eles, choramos suas perdas, torcemos por eles e comemoramos a cada pequeno sopro de esperança e alegria em suas vidas.
O livro nos deixa cheios de dúvidas e questionamentos. Às vezes nos perguntando como seria viver as situações descritas por Lina, o que levou as milhões de pessoas que estiveram nesses campos de trabalho forçado a continuar lutando pela vida. Quanto vale uma vida humana? O que nos move? O que nos dá esperança? Quão fortes realmente somos? Até aonde temos forças pra lutar?
Uma história linda e tocante, com um final cheio de amor e esperança, Ruta Sepetys escreve uma história digna de ser contada, e nos encanta com sua delicadeza. A vida em tons de cinza é uma lição sobre esperança, sobre achar alegrias até nos momentos de mais profunda dor.




Now reading...


O que estou lendo agora? Bem, acabei de terminar ‘A vida em tons de cinza’, e começar –pra alegria da Grazi!– ‘A filha do ferro’, da Julie Kagawa. Não tenho muito a dizer sobre o livro ainda, mas estou bem empolgada, pois gostei bastante do primeiro. Então veremos o que me aguarda...
E vocês, o que andam lendo?

10 comentários:

Georgia Schmitt disse... [Responder comentário]

Obrigada Miin! Otima indicacao... Adorei. Sempre gosto de intercalar a leitura dos livros de Fantasia, que sou completamente apaixonada, com livros ricos em fatos historicos... eles sao a minha paixao tbm...
O que eu estou lendo agora e amando, eh um livro indicado por vc ja faz bastante tempo aqui no Guria... "Die for me". Simplismente perfeito! O que sao aquelas novas criaturas misteriosas?!
MiL Bjs
Georgia_Schmitt

Vulcka disse... [Responder comentário]

Parece ser lindo! Adoro histórias tristes!

Ando lendo tudo que cai na minha mão. No momento iniciando "Anjo - A Face do Mal", de Nelson Magrini. :D

Mireliinha disse... [Responder comentário]

Olá Miin :B

Não li A Vida em Tons de Cinza ainda, mas assisti o BT, vi a sinopse e agora a sua resenha... Tenho certeza de que se trata de uma história super emocionante!

:*
Mi
Inteiramente Diva

Mireliinha disse... [Responder comentário]

Olá Miin :B

Não li A Vida em Tons de Cinza ainda, mas assisti o BT, vi a sinopse e agora a sua resenha... Tenho certeza de que se trata de uma história super emocionante!

:*
Mi
Inteiramente Diva

Juliana disse... [Responder comentário]

Oieee ^^

Gostei bastante da indicação, também me interesso por romances históricos e esse parece ser muito bonito :)

Beijooo!

Ju
http://julianagiacobelli.com

Bruna disse... [Responder comentário]

Miin, esse livro realemnte parece ser tudo de bom... eu fiquei muito interessada por ver que se trata de fatos históricos!

Beeijooos

Miin Trindade disse... [Responder comentário]

Aaah, Georgia, fico feliz de voc~e estar gostando de Die for Me! Adorei o livro, e sempre fico contente de saber que alguém tá curtindo um livro que eu indiquei :D

E Vulcka, depois me conta como é esse livro, please! Quero ler algo do Nelson. Ele foi sempre super simpático comigo.

E bem, gente, vocês deviam mesmo ler 'A vida em tons de cinza', é muito lindo!

Maryzlane Sarah disse... [Responder comentário]

Capa lindaaa, bem simples mas bem interessante, a historia parece ser um pouco triste.

Marco Antonio disse... [Responder comentário]

Boa noite!
Estava curioso para saber mais sobre este livro e sua resenha foi muito boa e me deixou muito curioso.Parabéns!
Quando der visita e comenta lá no blog.
Abraços!!

http://devoradordeletras.blogspot.com/

Claudia F. disse... [Responder comentário]

Nossa, parece ótimo mesmo o livro: A Vida em tons de cinza. Gosto de histórias assim, quero ter a oportunidade de lê-lo em breve.
Valeu pela indicação Miin. *-*

Claudia F.

Postar um comentário

 
Guria que lê © 2010 | Desenvolvido por Chica Blogger | Voltar para o topo