A Maldição, As Aventuras do Caça-Feitiço - Joseph Delaney


Depois de sobreviver a dois encontros com a velha e perigosa feiticeira Mãe Malkin, Tom agora é oficialmente um aprendiz de Caça-Feitiço. Assim sendo como acertado antes John Gregory agora deve receber a quantia combina para custear o ensino do garoto. Levando em consideração a fama que o Caça-Feitiço e outros motivos ele então envia Tom de volta para casa enquanto partem para travarem mais um combate contra as trevas.

Uma vez de volta ao lar o jovem aprendiz de Caça-Feitiço encontra seu pai em um estado delicado, sua mãe um pouco mais sombria e retraída além de seu irmão Jack, que se vê em parte pressionado pelo caminho que Tom esta por seguir e os riscos que isto pode trazer a família. E depois de uma conversa, que pode ser classificada como intrigante, com sua mãe o garoto retorna para junto de seu mestre.

Então mais uma vez reunido o trio, que se completa com a presença de Alice, que desde os incidentes do livro passado tem sido observada de perto pelo Caça-Feitiço, estes partem para a cidade de Priestown. Onde irão desafiar a criatura assombra o passado de John Gregory e o temido Inquisidor, um homem de alto posto dentro da Igreja e que acredita que todos os servos das trevas devem ser queimados em fogueiras, mas não pode ser nem um pouco considerado justo.

Neste segundo volume de As Aventuras do Caça-Feitiço temos novamente os apuros de Tom Ward e Alice criadas muitas vezes por suas próprias decisões errôneas. Nele também somos apresentados a partes do passado enigmático do Caça-Feitiço, assim como a alguns entes da família deste. A história gira em torno do desejo, quase forçado, de John Gregory de destruir um ser chamado de Flagelo que está aprisionado nas catacumbas de Priestown e que por pouco não dera cabo da vida de John vinte anos antes. E mais a frente descobrimos qual é a maldição que nomeia este livro e sobre quem ela recai.

Porém antes do confronto entre o Caça-Feitiço, Tom e Alice contra o Flagelo ainda há a questão da existência do Inquisidor, que se mostra uma verdadeira pedra no meio do caminho deles. O personagem é criado seguindo algumas das características dos famosos inquisidores da Idade Média, desta forma espere por alguém intolerante, cruel e que não poupa esforços em sua caça aos ditos servos das trevas.

Repetindo a fórmula do primeiro livro, vemos durante boa parte do desenvolvimento Tom se encrencando por suas escolhas, Alice sendo tentada e posta a prova por mais de uma vez e o Caça-Feitiço mais ávido por laçá-la com uma corrente de prata e colocá-la numa cova. Se comparado com o anterior pode-se observar que os personagens estão começando a mostrar um crescimento em suas personalidades e o enredo está mais complexo fazendo com que consigamos notar mais nuances de cada um deles.

O desfecho pode até mesmo ser como o esperado, porém os momentos finais conseguem te prender com uma batalha, que se melhor descrita fosse, poderia até fazer os pelos da nuca se eriçarem. E como o livro anterior este também possui todo um cuidado com a parte da diagramação quanto com a capa, que mantém o estilo envelhecido de pergaminho. Altamente recomendável para se ter algumas horas de leitura fácil, interessante e por vezes engraçada e em outras, tensa.



Título Nacional: A Maldição - As Aventuras do Caça-Feitiço #2
Título Original: The Spook's Curse
Autor:Joseph Delaney
Ano de Publicação: 2009
Número de Páginas: 288 páginas
Editora: Bertrant do Brasil
Onde Comprar: Submarino - Saraiva
Sinopse: O Caça-feitiço e seu aprendiz, Thomas Ward, se preparam para a maior batalha de suas vidas e seguem numa missão para um combate infernal. Desta vez, o inimigo é O Flagelo, uma criatura diabólica que se esconde no fundo das catacumbas da catedral. Todo o Condado corre o risco de ser corrompido por seus sinistros poderes. Mas surgem terríveis surpresas, e Tom e seu mestre descobrem que O Flagelo não é seu único inimigo e o desafio que os espera é bem maior. Como eles vão conseguir sobreviver a este horror?


Meu nome é Gutemberg Fernandes, ou para os íntimos Guto. Sou fã de literatura fantástica, principalmente épica ou medieval, além de contista nas horas vagas. No Guria irei trazer para vocês um pouco deste universo de cavaleiros e dragões, espadas e magia. Espero que gostem.

7 comentários:

Miin Trindade disse... [Responder comentário]

Eu me lembro de ter dado o primeiro livro das Aventuras do Caça Feitiço de presente pro meu primo. Ele amou.
Não é muito meu estilo de livro, mas parece interessante. Ótima resenha, cunhado :D

Leonardo disse... [Responder comentário]

é um ótimo livro, o autor consegue dosar-se entre o mistério e o macabro, me lembro de ter lido a alguns anos atras, e ainda espero ansiosamente a tradução do ultimo volume, é realmente uma ótima série, e que merece ser lida.

c8ris disse... [Responder comentário]

amei a resenha ñ li nenhum ainda mas parece ser interessante

E. B. Melo disse... [Responder comentário]

Estou com os três livros aqui para ler, mas não comecei ainda o primeiro. Nem pude ler sua resenha ): rs
Gosto muito desse gênero e preciso MUITO arrumar um tempo para lê-los.

jenniferdlegal disse... [Responder comentário]

Nao li nenhum ainda, mas eu gosto de livros desse estilo!
Parabens pela resenha.
Bjs

Mariska disse... [Responder comentário]

Essa é uma série que estou muito interessada em ler, gostrei muito da resnha. Comprei o primeiro da serie , mas ainda não tive tempo de ler. Assim que terminar a epoca de provas vou colocar a mao na massa, digo, os olhos na paginas.
bj
@Mariskal

Adriana disse... [Responder comentário]

Parece muito boa a história, não conhecia, mas me interessei bastante,tem muito suspense e mistério, se tiver a oportunidade, vou ler!

Postar um comentário

 
Guria que lê © 2010 | Desenvolvido por Chica Blogger | Voltar para o topo