Vampire Academy - Richelle Mead


Esse post está há muito tempo sendo planejado por mim. Era minha idéia de “abertura” do blog, mas não tive a inspiração necessária para expor em palavras o que essa série representa para mim. Então, vou escrever como tudo começou...


Vampiros nunca me interessaram. Sempre tinha uma visão sangrenta e violenta deles. Até Crepúsculo aparecer e mudar minha opinião. Li todos os livros (nem sei dizer quantas vezes), até não poder mais ver aquelas capas e muito menos ouvir falar de Edward, Bella, Jacob e companhia limitada. Foi então que resolvi “aspirar novos ares”.

Procurei por livros de vampiros na internet e encontrei alguns, entre eles Vampire Academy, que não me interessou de cara. Me perdi em romances de Damon – Elena – Stefan, Zoey e seu “harém” e finalmente, resolvi ler o “tal” de Vampire Academy. E nesse momento em diante... virei VAholick! (descrição apaixonada criada por mim!).

Foi amor a primeira lida!

Li os livros – os quatro primeiros volumes – em 4 dias, meu recorde de leitura até aquele momento. Simplesmente não conseguia mais parar de ler (isso que só lia à noite) e virava a madrugada com a companhia e as aventuras de Rose e sua turma.

Vampire Academy mudou meus conceitos sobre vampiros. Agora, eu AMO vampiros. Mas só os Morois – e os Strigois em um caso especial. A autora, Richelle Mead, soube utilizar o tema tão “badalado” do momento de forma ímpar, através da temática aliada à mitologia romena, que é à base de seu romance. Assim, não existem estereótipos que possam comparar VA com outros livros de vampiros. Ele é diferente, único e incrível.

O que você precisa saber sobre VA antes de ler?
1.       Existem vampiros BONS e vampiros RUINS
2.       É uma raça formada por 3 espécies: Morois, Strigois e Dhampirs
3.       As pessoas morrem nessa história
4.       Nem sempre há finais felizes
5.       E as realidades mudam muito rapidamente

Sem spoilers, esse é um resumo básico das principais questões que regem VA. E minha opinião sobre elas, é que VA foi o primeiro livro de vampiros que tem um lado humano muito forte. As emoções dos personagens te tocam de tal forma, que te levam a crer que você é um dos personagens do livro. Além do mais, eu realmente gostei do realismo da estória: as pessoas sofrem, se machucam e morrem (algo que me indignou profundamente em Crepúsculo – como ninguém morre??? Hello, vocês não são vampiros?!), é a lei natural da vida, porém a forma como Mead colocou tudo isso (ops, um spoiler básico!) mexeu seriamente comigo. Parecia que quem tinha perdido uma pessoa especial (não vou falar nada sobre isso :x) era EU.

Além disso, é importante o leitor (novo) se inteirar de como essa raça é classificada para poder entender a dinâmica do livro. Dhampir, de acordo com o folclore balcânico, é uma criança nascida da união de um vampiro com um humano (ou outro dhampir), tendo as melhores habilidades e características das duas raças, ou seja, alguns poderes vampíricos, mas nenhuma fraqueza, sendo considerados exímios protetores de vampiros (os Morois) e aptos a matar os outros (os Strigois). Moroi são vampiros completos e mortais, que se alimentam de sangue sem necessitar matar, apenas proporcionando a “vítima” um enorme prazer provocado pela sua mordida, e são protegidos pelos Dhampirs. Strigoi são vampiros imortais, que podem ser “formados” quando um Moroi mata sua vítima durante a alimentação ou quando um Dhampir e/ou humano são transformados por um Strigoi, e só podem ser mortos por uma estaca de prata “encantada” através do coração, por decapitação ou pelo fogo.

Agora que situei vocês quanto a minha opinião sobre VA e sobre um pouquinho da história (não falei nada ainda), vamos falar sobre o enredo. Vampire Academy conta a estória de Rose Hathaway, uma adolescente rebelde de 17 anos, que fugiu da Academia St. Vladimir onde treinava para se tornar uma guardiã, com sua amiga inseparável e futura protegida, Vasilisa Dragomir, Moroi real e última de sua linhagem. O livro inicia quando Rose e Lissa são capturadas e obrigadas a voltar para a Academia e suas antigas rotinas, e no decorrer da estória, os motivos da fuga de ambas são apresentados. Além disso, a estória relata como são distintas as três espécies e como cada uma age.

Confesso que tudo o que eu imaginava que iria acontecer na estória, não aconteceu. Tia Riche (como é carinhosamente chamada pelos fãs) surpreende e muda o rumo do livro quando menos se espera e da forma mais inesperada possível. O que por sinal, foi excelente!

O que deixa a estória mais perfeita é a construção dos personagens, o que vem a completar a singularidade da série. Como protagonista conhecemos Rosemarie Hathaway, incapaz de se encaixar em estereótipos de mocinha indefesa dos romances sobrenaturais. Rose é uma heroína, uma garota que luta para proteger e ser a melhor guardiã para sua amiga Lissa. Através de seus erros e acertos, Rose constrói seu caráter e personalidade ao longo da saga, saindo da fase de garota festeira e namoradeira, a uma mulher com responsabilidade e com o bom-senso de lutar para fazer o que julga ser certo.

O mais interessante é que Mead consegue apresentar os típicos conflitos adolescentes  através de seus personagens. Rose faz o tipo “revoltada sem causa” (a causa só se conhece ao longo da saga), impulsiva e intensa, sem papas na língua, buscando apenas chamar a atenção. Lissa por outro lado, é a “certinha” da história, calma, focada e a “responsável” pela dupla (em minha opinião, Lissa é muito sem sal!).

No entanto, o personagem masculino (e põe masculino nisso!) e sério candidato a membro do casal protagonista é Dimitri Belikov, o guardião que resgata Rose e Lissa e torna-se tutor de Rose na Academia. Ele é responsável pela mudança de atitude de Rose, além de ajudá-la a se tornar a melhor guardiã em treinamento. Exercendo o papel de responsável, o sério guardião russo, considerado um deus entre os guardiões, mantém sua postura fria e centrada, por detrás de um guarda-pó estilo caubói e romances de faroeste. Ou seja, o legítimo cara  durão e ao mesmo tempo sexy. A vida de Dimitri muda quando passa a ser o responsável pela – irresponsável – Rose. O que Dimitri não sabia é que o “furacão” Rose iria atingi-lo de muuuuitas formas (fica a dica!)!

Essa é “apenas” uma introdução ao mundo de Vampire Academy, já que só apresento aqui a estória do primeiro livro, que leva o mesmo nome da série.

A saga possui 6 livros, dos quais 5 já foram lançados no exterior e 2 no Brasil. O último livro da saga tem previsão de lançamento para 07 de dezembro desse ano. O primeiro livro foi lançado no Brasil com o nome de “O Beijo das Sombras – Academia de Vampiros” e pode ser encontrado com duas versões de capas (próximo post falo mais sobre isso).

Enfim, esqueça tudo o que você já ouviu, leu ou imaginou sobre vampiros, porque Vampire Academy é um mundo a parte!

E fiquem ligados para mais informações sobre VA! Resenhas de todos os livros e as novidades sobre a saga já estão sendo planejados!!!!!

    
Capas Brasileiras 


    
Capa Original


Sinopse: Lissa Dragomir é uma princesa Moroi: uma vampira mortal com uma ligação inquebrável com a magia da terra. Ela precisa ser protegida a todo tempo dos Strigoi, os mais fortes e perigosos vampiros – aqueles que nunca morrem.
A poderosa combinação de sangue humano e vampiro que flui através de Rose Hathaway, melhor amiga de Lissa, a torna uma Dhampir; ela se dedica a uma vida de perigos protegendo Lissa dos Strigoi, que podem transformá-la em um deles.
Depois de dois anos de liberdade ilícita, Rose e Lissa são pegas e arrastadas de volta para a Academia Santo Vladimir, que está escondida em meio às vastas florestas de Montana. Rose irá continuar sua educação Dhampir. Lissa voltará a ser a rainha da cena social da elite Moroi. E as duas garotas irão acabar tendo seus corações partidos.
Medo fez Lissa e Rose fugirem de Santo Vladimir, mas sua vida dentro da Academia é tão perigosa quanto do lado de fora. Nela, ocorrem estranhos rituais Moroi, e sua misteriosa natureza e amor pela noite cria um mundo enigmático cheio de complexidades sociais. Rose e Lissa têm que navegar nesse mundo perigoso, confrontar a tentação do amor proibido, e nunca deixar suas guardas caírem, já que os Strigoi podem tornar Lissa um deles para sempre…

Título Original: Vampire Academy
Título Nacional: O Beijo das Sombras
Autora: Richelle Mead
Ano de Lançamento: 2009
Número de Páginas: 319 páginas
Editora: Nova Fronteira

Minha avaliação:
««««

18 comentários:

juliana disse... [Responder comentário]

Menina, agora com essa descrição eu fiquei bastante interessada.

Na verdade, desde a mudança de capa eu tenho o livro. Entretanto, eu o comprei e guardado ele ficou. Há tantos e tantos livros que eu acabo atropelando algumas obras por outras. rs. Emprestei a minha irmã e ela é indignada por eu ainda não ter lido. MAS, essa é uma série por demais recomendada e todos falam muito bem da Richelle Mead - que por sinal, quero ler "A Canção Do Súcubo.

Enfim, valeu mais uma dica, que serviu pra me impulsionar a ler o livro o quanto antes :D

Beijos, Jú.

Ana Elisa disse... [Responder comentário]

Amooo VA apesar de só ter lido o 1º (o 2º está aqui me esperando). Adoro a Rose e acho que ela e o Dimitri ficam tão fofos juntos! Dimitri... *suspira* Preciso de um Dimitri para mim!

jessica disse... [Responder comentário]

VA é mara demais ao longo desses 5 livros eu quase infartei e tive crises de choro varias vezes,ele mexe com você de um jeito que é apaixonate e viciante ao mesmo tempo.AMO VA,suspira DIMITRI é perfeito.

Denise Ayres disse... [Responder comentário]

mto boa sua resenha!!!!

tb me apaixonei por Rose e Dimitri...

Tatiane disse... [Responder comentário]

Sem puxasaquismo, mas a sua resenha é a melhor que eu já li!! Parabens!

E acho uma pena que livros como VD e HON faça mais sucesso que VA, mas aos poucos, todo mundo já vai estar conhecendo.

E só não leio o quinto livro por falta de tempo, uma pena! =/

'Aline. disse... [Responder comentário]

Amei demais a sua resenha, de verdade *-*
tá mais que perfeita, VA é tudo isso e mais um pouco
melhor série de vampiros né?
confesso que tbm não me interessei muito no início, mas minha amiga insistiu tanto que eu tive que ler, e agradeço até hj ela por isso :D
eu só li os dois primeiros ainda, sabe se lá como eu estou aguentando esperar, pq o lerdeza pra lançar os livros viu ¬¬'
mas já sei de muitas das perdas que vc citou (é, minha amiga sem querer me conta bastante spoilers --')
e é tudo tão imprevisível, não da msm pra imaginar o que vai acontecer até o final do livro
e ele meche demais com a gente né? só li até o segundo e já chorei o monte =S

agora deixa eu parar de falar né :D

disse... [Responder comentário]

*-* Own meninas... vocês me emocionam cada vez mais!

Tentei transmitir na resenha tudo o que VA é para mim e pelo jeito eu consegui :) Na verdade, o post era pra falar dos 5 VAs, mas não tem como... então estou preparando os próximos já...e a cada semana vou postar um deles, pra quem ainda não leu, correr para ler ^^

Obrigada pelo carinho! Tô amando ter o blog e o apoio e carinho de vocês vale todo o esforço!!!

Beijos =*

Bianca disse... [Responder comentário]

Eu não sei nem o que dizer desse post ... Eu sou EXATAMENTE como a RÊ , eu como , respiro e VIVO essa série !! Simplesmente é o livro sobre vampiros mais perfeitos que existe e a Dona Renata descreveu com a mais absoluta clareza e profundidade TODO o meu sentimento por essa série , parece até que ela entrou na minha mente e core para fazer esse post !*_*


Eu amo a Rose por ela ser tão corajos e fugir dos estereótipos de ''mocinha indefesa'' dos livros e eu amo o Dimka ... Bem , porque ele é O DIMKA !!! KKKK³ Não tem como NÃO amar esse Deus Russo , e até o Adrian eu amo agora //* haushau

Bem já disse que ameeeeei o post e simplesmente apaixonei por isso :
''No entanto, o personagem masculino (e põe masculino nisso!) '' <<< demaaais mesmo , e a maaaais pura verdade põe masculino nisso //o.o hsaushau

Bjuxxx*_*

Karine Marinho disse... [Responder comentário]

se acredita que eu ainda não li nenhum dos livros da coleção?

Thais Priscilla disse... [Responder comentário]

Não li nenhum dessa coleção ainda mas estou ansiosa pra ler. Está na minha listinha só que ainda não tive a oportunidade de comprar (falta de grana) ISOAISIOA adorei sua resenha. Só me deixou mais ansiosa pra ler os livros. Parabéns pelo blog :)

Karen Senoo disse... [Responder comentário]

Realmente essa série é muito BOA mesmo!!! Aconselho àqueles que não leram ainda. Li os já os cinco que saíram (todos em pdf, confesso!), mas não aguentei e já comprei os dois primeiros que saíram em português. Li e reli incontáveis vezes. Me apoixonei por todos os personagens. Achei essa série sobre vampiros a melhor, até mesmo do que Crepúsculo. RECOMENDO!!!

Guiomar Baccin disse... [Responder comentário]

Bem legal o blog. Siga Cosmonautas. http://www.cosmonautas.com.br/

Mari's World disse... [Responder comentário]

Nem preciso dizer que amei, ne miga??!?!

VA nos juntou, poxa, ja vale muito por isso!

Otima resenha, parabens pelo blog.

*-*To mega orgulhosa da minha amiga gaucha =)

*Vivi* disse... [Responder comentário]

Aconteceu a mesma coisa comigo,eu li tanto crepusculo ate enjoar e no Foforks as meninas começarama comentar sobre VA.Resolvi ler e AMEIII,gostei tanto que não conseguia parar de pensar na Rose e no Dimka,foi quando comecei a procurar fanfics sobre VA e entrei na comu de fanfics e te conheci flor,e com suas dicas de livros já li livros maravilhosos,então quando a Rê indica eu assino em baixo...Gosto muitoooo de vc.Seu blog tá perfeito :) Parabens

'Dani disse... [Responder comentário]

A mais perfeeita das perfeitas! *-*

ain Rê tu sabe q foi o mesmo comigo neh? li TANTO crepúsculo que agora só de fala me irrita (ahsuh). Vii um blog (q eu nao lembro pq formatei meu pc e perdi o site)falando mtu bem desse livro mas nao me interessei de cara. foi depois de uma tentativa frustada de ler TVD (nao consegui msm)q eu resolvi ler VA. E não consegui mais parar!

É simplismente o livro mais perfeito!

e o Dimka eh toodo meeeoo *-*

Perfeita a resenha!

orgulhosa de ti guria!*-*


s2

=*

Isabela Carvalho disse... [Responder comentário]

Adorei a resenha Rê *-*
Eu simplesmente, tenho certeza, sou a MAIOR fã de VA!!!
Já li toooodos os livros da série (em português) e na minha opinião Last Sacrifice é o melhor, sem dúvida!

Mas fiquei triste com o final que a Mead fez para o Adrian =_(
Ele é tão legal e merecia ter ficado com alguém igualmente legal!

Mas...fazer o que?

Tchau Tchau e bjos!

Guto Fernandes disse... [Responder comentário]

Eis um dos livros sobre vampiros que eu desde o meio do ano passado estão a minha disposição para a leitura, mas nunca me 'cativaram' a lê-los como tantos outros o fizeram.

Como eu já comentei em outro post me sinto meio saturado de vampiros bonzinhos e etc, mas pelo que li nas sinopses no decorrer da série há uma sucessão de eventos que mudam de certa forma a visão do 'bonzinho'. O que eu ainda não me conformo em YA é a presença constante daquilo que chamamos de Terceiro Elemento nos relacionamentos e depois o fato da mocinha acabar voltando para o primeiro da dupla heheehe.

Enfim, não sei se terei a oportunidade de ler VA este ano, mas se sobrarem dias após a minha conclusão da leitura de As Cronicas Vampirescas da Anne Rice com certeza farei um esforço para lê-los.

E eis uma resenha que me agradou em muito, pois ainda que eu não conhecesse a história conseguiria me situar muito bem com relação ao livro somente pelo que li nela. Diferente de outras resenhas que já vi por ai que focam somente em certas partes deixando leitores, sim homens, desinformados ou imaginando que o livro seja somente para o publico feminino.

Beijos meu amor, meus parabéns pela ótima resenha *.* Que tbm é do tempo em que eu não conhecia o blog hehehe

NikaSanc disse... [Responder comentário]

Eu acabei de ganhar os três primeiros volumes e estou MEGA ansiosa pra ler - ainda mais agora... =D
Só não comecei a leitura ainda por causa dos livros da escola, mas calma que eu chego lá!
Beijinhos, NikaSanc

Postar um comentário

 
Guria que lê © 2010 | Desenvolvido por Chica Blogger | Voltar para o topo